SE PRECISAR CLICK AQUI PARA TRADUZIR

quinta-feira, maio 07, 2009

CINOMOSE

Existem vírus que vem pra derrubar.
Cinomose é um deles!


Se voce tem cachorro, saiba e não esqueça, vacine-o todos os anos contra esta doença.
Aqui em São José tem bastante disseminação desse vírus.

Outra coisa, se sua cadela tiver tido cria, aos 30 dias vacine os filhotes. Antes de dar todas as doses da vacina NÃO PERMITA que qualquer pessoa entre em contato com eles, nem que eles saiam de sua casa. Se for cruzar sua cachorra, dê antes a vacina.

Tomamos todo cuidado com nossos bebes, mas com os bebes de caes nem sempre sabemos que precisamos tomar muito, muito cuidado mesmo.

Esta doença é como uma AIDS para os cães, pois ela ataca o sistema imunológico, e deixa que outras doenças se instalem no seu cãozinho.
Causa uma secreção nos olhos, nariz, e muitas vezes causa dor de ouvido, tosse e problemas pulmonares. Mesmo tomando antibióticos, eles só servem pra combater as doenças oportunistas, pois o vírus da cinomose não tem remédio.
Hoje existe também um soro que deve ser aplicado no caso do cão contrair o vírus, mas as chances dele se recuperar nao sao muitas.
Quando o cão é filhote a chance é muito, muito pequena.
É melhor, mesmo sendo muito doloroso, abreviar o sofrimento e fazer a eutanásia.

No caso de cães adultos, com mais resistência, vale a pena tentar de tudo, mas saibam, esta doença é tão traiçoeira, que após passarem os sintomas de secreções e tosse ela pode atingir o sistema nervoso do seu cão.

E isso pode ocasionar vários outros problemas, desde descoordenação na marcha, até tiques e convulsões. Se chegar em convulsão é melhor sacrificar o animal.
Senão ele vai sofre muito mais, e vai acabar morrendo.

Uma chance existe para combater as sequelas da cinomose caso o animal resista: ACUPUNTURA VETERINÁRIA.
No entanto só depois de três ou quatro meses, quando o vírus tiver sido totalmente eliminado, pois ao contrario o cão pode piorar, pois ira ativar mais o vírus.

É duro aprender na prática.
É duro não saber de tudo isto antes...
Muito duro.