SE PRECISAR CLICK AQUI PARA TRADUZIR

quinta-feira, setembro 04, 2008

Difícil escrever o que está difícil de sentir...
Como deixar uma amizade de trinta anos ser abalada ou acabar?
Como não sofrer a dor da mágoa e ao mesmo tempo a dor da perda?
Que fazer quando a dor está ainda tão presente e a sensação de amizade está tão presente também?
Como deixar passar uma ofensa grave a pessoa que você ama, um filho?
Como não deixar passar a ofensa vinda de uma amiga que é tão querida como uma irmã?

Que dilema...
Não deixar um abismo se criar entre vocês...
Ela na verdade não é sua amiga não...
Como entrar e sentar a sua mesa, tomar chá com você depois disso, como se nada tivesse acontecido?
Perdoa ela, pois você sabe como ela fica...
Ela esta passando por um mal momento, releva...

Não sei!
Não sei e sofro porque não sei...
Não sei se fico, não sei se vou, não sei se falo ou se me calo, não sei mais nada, não sei.

As lágrimas já brotam novamente nos meus olhos e eu não sei se sei e quero controlar...
Estou perdida. Estou triste com esta situação. Estou tão desnorteada.
Decepcionada, magoada, ferida na alma.
Minha irmã de coração, minha irmã de alma, como pode você fazer isto comigo?
Postar um comentário